16/05/2021
Home Notícias Professor Lemos defende correção do pagamento do piso regional aos servidores públicos

Professor Lemos defende correção do pagamento do piso regional aos servidores públicos

Líder da oposição na Assembleia Legislativa (Alep), o deputado Professor Lemos (PT) apresentou um requerimento de envio de expediente ao governador Ratinho Jr. solicitando a implantação da correção do pagamento do piso regional aos servidores públicos do Estado.

Em discurso hoje (5) na sessão plenária virtual da Assembleia, o deputado explicou que no dia 24 de janeiro o governador determinou o reajuste, por meio do decreto 3.909/2020, do salário mínimo regional para R$ 1.383,80. Entretanto, o Poder Executivo não corrigiu os valores pagos aos servidores que recebem o piso ou vencimento inferior ao mínimo regional, de forma que os trabalhadores e trabalhadoras continuaram recebendo R$ 1.306,80, referente ao piso regional de 2019.

“É uma preocupação que precisa ser resolvida. Temos funcionários públicos no Paraná que estão recebendo menos do que o salário mínimo regional. Estão recebendo, desde janeiro, R$ 77 a menos do que o piso. Não é só uma questão de cumprir a lei. É uma questão de justiça com estes trabalhadores. Fica nosso apelo. Solicitamos que o governo implante a correção e pague a diferença dos salários atrasados de forma retroativa a janeiro”, afirmou.

Lemos destacou que a correção do pagamento do piso regional está prevista na Lei Estadual 18.493/2015, que garante ao funcionalismo o direito de receber parcela complementar de vencimento correspondente à diferença entre o valor do vencimento básico e o valor estabelecido piso salarial mínimo regional.

“Esta garantia, que funcionário público não pode receber salário inferior ao mínimo regional, foi uma conquista da greve realizada pela categoria em 2014 e tem sido aplicada desde então. Temos uma Lei que determina que deve haver um complemento para igualar o salário do servidor aos vencimentos da iniciativa privada, para que nenhum paranaense receba menos do que o estipulado pelo mínimo regional. Esta lei precisa ser observada. Desde janeiro o governo não paga a diferença. Para alguns, que acham que todos os servidores ganham um salário alto no Paraná, estão enganados. Temos milhares de servidores ganhando pouco mais de R$ 1,3 mil bruto”.  Segundo o parlamentar, a não correção do salário dos servidores ao piso regional pelo governo estadual é “desumana”. 

#mandatoLemos  #professorlemosnaluta  #lemossemprepresente #professorlemosnãopara #lemosnaAlep

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentário
Nome

- Advertisment -

Most Popular

Volta às aulas vai estimular circulação do coronavírus e aumentar contágio, alerta Lemos

O deputado Professor Lemos (PT) alertou hoje (10) que a volta às aulas presenciais no Paraná vai estimular a circulação do coronavírus...

Retomada das aulas presenciais no dia 10 coloca em risco professores e funcionários de escola, alerta Lemos

Em discurso na Assembleia Legislativa (Alep), o deputado Professor Lemos (PT) manifestou contrariedade com a retomada das aulas presenciais na rede pública...

Lemos celebra 74 anos da APP-Sindicato: “ferramenta importante na defesa da educação pública de qualidade e dos trabalhadores da educação”

“A APP-Sindicato é uma ferramenta importante na defesa do interesse público, da educação pública de qualidade, dos profissionais da educação e de...

Lemos destaca importância da reforma agrária para o Paraná

“A reforma agrária é necessária e importante para o Paraná e para o Brasil”, afirmou hoje (19) o deputado Professor Lemos (PT)...

Recent Comments